30.11.05

Viagens pela minha esfera

Eis que o zombie voltou a dar sinais de vida. Nós já estávamos tão baralhados com a ausência que até andávamos a passear por zombies alheios.

Eis que a paixão pelo erotismo, o amor pelo bizarro e a devoção pelo antigo se juntaram os três à esquina e depois já se sabe: conversa puxa conversa, vai daí, nove meses depois, deram à luz...

Eis que finalmente a descobrimos: esta é que é a verdadeira dona de casa desesperada!

E para o feriado que aí vem... la Mélissa du jour!

Oh, Mélissa, Mélissa... Oh, Mélissa, Mélissa... Oh...

Diálogos de:

Sete Solas e Cinco Gajos
(fragmento 44)

- Então, mas afinal, o gajo é de onde?
- O quê?
- O gajo é alentejano?
- Ah, não! É de Viseu mas foi para Angola cedo.

A Lista

Os The Galarzas, sempre na vanguarda do nada e na dianteira do progresso, vão, tal como as Finanças, começar a publicar regularmente uma lista - no caso, não de devedores, mas de direccionadores, que é quase tão bombástico.

Sendo assim, apresentamos hoje a primeira lista de cidadãos que, nas últimas horas de ontem, direccionaram para cá a sua clientela.

1. Cidadãos nacionais:
Os Arquivos Sturu;
Pano do Pó;
Ponte Sonora;
Ensaimada;
Com certeza que fico chateado;
Apdeites WP;
Há bifanas;
3 horas de ponta;
Cafe desconcerto;
Toponímia Galego-Portuguesa e Brasileira;
Voando à deriva.

2. Cidadãos estrangeiros:
The bubble death;
World lolita bbs;
Censorship by Blogger;
Job 2005;
Classical music inspires;
Scribble;
Desde otro lugar;
Lest darkness fall;
Old grandma hardcore;
Oficios;
Sunbabies;
Mew's modern world history blog;
Anticorrupción en América Latina;
I-pets.com blog.

Uma espécie de evolução

Na alvorada do século XXI dizia-se de Portugal que «é um país geométrico: tem problemas bicudos discutidos em mesas redondas por bestas quadradas».

Agora, a meio da primeira década, esta espécie de apanágio sofreu uma evolução e já se diz que «os problemas do nosso país resumem-se a uma questão meramente agrícola: excesso de nabos e falta de tomates».

O que quer dizer que, aparentemente, já sabemos quais são os tais «problemas bicudos». Pelo menos, sempre vai havendo alguma evolução...

Confessionário, ou como as lágrimas ficam sempre bem acostadas no canto do olho, ou como um dia ainda hei-de tornar-me fã do Bonga

Boa comida, amigos que são amigos, beijos e o caraças e depois chego a casa e está cá um disco com umas musiquinhas que mandou a Inês, lá da América, com uma carta que eu já li mas que é só para mim e só respondo a ela, e pronto, estou contente.

E agora ponho a lágrima no canto do olho.
Merda!
Obrigado!

29.11.05

Lembram-se dos TOUs?

TOU @

E para o Natal nós queremos...

...o Moleskine do Raúl Solnado, do Sérgio Godinho, do Vitorino e - porque não? - o dos Delfins!

E no regresso ao ofício... la Mélissa du jour

Uh-la-la, Mélissa

28.11.05

LondON: relatório de um desastre

The George W Bush Singers, Songs In The Key Of W Finalmente, eis que já cá canta o disco destes velhos amigos da galarzada - os tais que cantam os discursos de Bush Júnior. De chorar a rir... com todo o respeitinho, ora pois claro!

The Ukulele Orchestra Of Great Britain, The Secret Of Life É a nova sensação do easy-brit-listening: um grupo de tocadores de ukulele que se diverte a fazer versões de clássicos da pop e do rock, do hip-hop e do funk. Divertido.

Thomas Truax, Audio Addiction O homem gosta de Cramps, canta como um Leonard Cohen armado em Nick Cave, toca como um Tom Waits armado ao pingarelho e constrói instrumentos chamados Hornicator, Cadillac Beatspinner Wheel, Backeater e Sister Spinster. E o melhor de tudo: as músicas são mesmo boas!

Architecture In Helsinki, In Case We Die Qualquer coisa como Arcade Fire meets música de câmara com theremin, xilofone, marimbas, flauta, trombone e uma lista de instrumentos que nunca mais acaba. Absolutamente indescritível mas altamente viciante.

Neutral Milk Hotel, In The Aeroplane Over The Sea Indie rock surreal e irrepetível, reeditado 10 anos depois... só porque é um dos álbuns preferidos de uns tais Franz Ferdinand e uns certos Arcade Fire. Depois de ouvir, percebe-se porquê.

Burt Bacharach, At This Time O regresso do velho senhor da kitsch pop em jeito de exorcismo político, com a companhia do velho amigo Elvis Costello e dos devotos Rufus Wainwright e Dr. Dre!

John Peel: A Life In Music Bowie: Loving The Alien Bruce Campbell, If Chins Could Kill As mais completas biografias de John Peel e David Bowie (ambas a preço de saldo em Camden) e as memórias de Bruce Campbell, o maior de todos os actores de cinema Série B contemporâneos (um souvenir da nova Forbidden Planet).

The Rutles: All You Need Is Cash A Special Edition do DVD do filme da banda de alguns dos Monty Python que, se não inspirou os Beatles, pelo menos inspirou os Spinal Tap. Dizem...

CSI: Grave Danger O gran finale da quinta season, escrito e realizado por Quentin Tarantino! A inesperada colaboração entre o realizador de Pulp Fiction e Kill Bill e o produtor Jerry Top-Gun-Armageddon-Pearl-Harbour-Black-Hawk-Down-Pirates-of-the-Caribbean Bruckheimer. Inclui o prazer de ver QT a brincar com a série policial do momento...

Uma História Muito Verdadeira

O Rato e o Rei da Rússia, que faziam uma parelha de grande qualidade nas competições de tiro aos pratos, que já tinham conquistado alguns prémios internacionais e que estavam a tentar qualificar-se para os Jogos Olímpicos, saíam muitas vezes pelo campo para caçar e desfrutar dos prazeres bucólicos, das paisagens rudes e das suaves e conversavam acerca de assuntos mundanos ou de Estado porque eram muito amigos. Esta unha e esta carne também se sentavam juntas para as refeições, incluindo a sobremesa, com altos dignitários estrangeiros que se reuniam com o Rei para combinar negócios importantes. O Rato só não suportava o Embaixador da Roménia, que era de facto um sujeito boçal e ordinário que se descuidava nalgumas matérias de higiene, mas não fazia mal porque o Rei da Rússia mandava chamar o amigo logo no dia a seguir para contar tudo o que acontecia nesses jantares.

Uma tarde soalheira de Verão, os dois amigos estavam a cair de tédio estendidos numas redes e decidiram jogar à garrafa e ir tocar às campainhas das portas e fugir para se divertirem, mas acharam bem não fazer essa brincadeira porque uma vez aconteceu que o Rei tocou à campainha de uma senhora velhota que lhe atirou com um balde cheio de àgua de lavar o chão e encharcou-o até aos ossos e deixou-o a cheirar a esgoto. A velhota esteve quase a safar-se com isto de atirar àgua porca para cima das pessoas, mas felizmente o Rei era a pessoa que chefiava a polícia secreta do país e, segundo se ouviu dizer mais tarde, a idosa nunca mais foi vista a fazer despejos inusitados para cima das pessoas. Nem voltou a ser vista sem ser a fazer despejos.

Entretanto, a Rolha, que também fazia parte da Corte, estava a fazer uma desintoxicação para ver se conseguia ver-se livre de uma adição que lhe andava a lixar o fígado e outras partes do corpo e lhe estava a deixar ideias suicídas na cabeça.

A Mélissa du jour

melissa2811

LondON / LondOFF

Cinco dias em Londres para matar saudades de Covent Garden, do Soho, de Picadilly, de Camden Town, da HMV, da Forbidden Planet (onde este Galarza se cruzou com o senhor Terry Pratchett), da Comics Store, da Playlounge, para conhecer o Spitz e o Cargo e o novo South Bank, para ver The Aristocrats na sala mais cinéfila do mundo... Às vezes, é preciso ir lá fora para perceber que ainda estamos muito longe da Europa.

Cinco dias em Londres para ver Legendary Tiger Man, Dead Combo, Wray Gunn, Fat Freddy, The Gift, 1-Uik Project e Blasted Mechanism a conquistarem adeptos na capital cultural da Europa, para ouvir Mariza nas colunas de uma loja de discos, para rapar o maior frio de uma vida inteira... Às vezes, parece que é preciso ir lá fora para perceber que cá dentro há coisas muito boas.

Dois Grátis

Subimos à serra para um encontro com as nossas almas. Para, num momento de introspecção, nos elevarmos ao mais alto da nossa espiritualidade, para nos encontrarmos. E o que encontrámos foram almoços...

porco

frango

O meu Sonho .294

O meu Sonho tem sete pés mas só usa dois para fugir.

27.11.05

La Mélissa du jour, com uns jours de atraso

melissa

A músiquinha repetida sem pudor nenhum durante todo o fim-de-semana*

Towardthewithin

Don't Fade Away

Don't fade away, my brown-eyed girl
Come walk with me, i'll fill your heart with joy
And we'll dance through our isolation.
Seeking solace in the wisdom we bestow
Turning thoughts to the here and ever after
Consuming fears in our fiery halos

Say what you mean, mean what you say
I've heard that innocence has led us all astray
But don't let them make you and break you
The world is filled with their broken empty dreams
Silence is their only virtue
Locked away inside their silent screams

But for now, let us dance away this starry night
Filled with the glow of fiery stars
And with the dawn our sun will rise
Bringing a symphony of bird cries

Don't bring me down now, let me stay here for awhile
You know life's too short, let me bathe here in your smile
I'm transcending the fall from the garden
Goodnight.

Dead Can Dance, Toward the Within, 1984

* Se eu soubesse como é que se faz, punha-a tocar para o nosso estimado auditório. Mas não sei...

Senhor (Haiva) Roubado:

"The art of flying is to throw yourself at the ground and miss.
- Douglas Adams
"

26.11.05

Recolocação da alma



Projecto em andamento.
Bons augúrios.
Falta fogão.
Ternura.
Chuva e luz trémula.

Ausento-me por uns dias desta casa.

25.11.05

Não

Não. Nada. Ninguém me disse nada, ninguém me perguntou nada, ninguém me pediu nada, não. Não tenho nada. Não quero saber de mais nada.

Leste

Leste
O Izveztia, cariño?
Ou passaste só os olhos
pelo Correio do Minho?
As novas de Leste, leste?
Há uma nova central
a crescer nas faldas do Ural
nem tudo vai mal
ainda se pesca graúdo
no lago
Baikal

Óscar Machico, in «Bakunine não é nome de remédio», Edições Ó Ovski, 1989

O dia em que o pato era galinha

Há duas ou três horas tentaram convecer-me que estava a chover mas eu não acreditei. Andava toda a gente nas ruas de guarda-chuva aberto e correr sem razão nenhuma.
Só não percebo é como é que fiquei com o cabelo e o sobretudo molhados. Que dia mais estranho!

Espero pelo médico e...

- "Nem sabe, até comer queijo faz mal ao meu castrol, ele fica muito alto";

- "Coitada da senhora. Tem alçaime e está a esquecer tudo, parece uma criança";

- "Veja lá que tomei tudo para ir à casa-de-banho e não resultou. Este médico de bigode mandou-me fumar uns cigarros e já estou como novo. O problema é que os cigarros não têm comparticipação do estado";

- "Bebo um litro e meio de leite por dia por causa da osporose, mas não resulta. Caí e parti o pulso. Os médicos estão errados. Beber leite não evita que os ossos se quebrem. Devem receber dinheiros dos homens do leite".

24.11.05

Ascensão

Era um rapaz ambicioso, o Hélio, decidido a subir na vida.
E conseguiu.
Por esta altura, o balão meteorológico já deve ter ultrapassado a ionosfera.

O meu Sonho .293

Onde é que está o meu Sonho, que não me diz nada há dias?

Não façam troça do título da posta anterior. Bem sabemos que lhe faltam carácteres, mas já não havia espaço para mais.

Um dia vei um amigo e disse-me assim: não compreendo a dialética mas o meu avô também não compreendia os aeroplanos e tomava aspirinas e ares do campo

Um rapaz do Burkina Faso perdeu esta tarde duas cabras a jogar à lepra.

Um Burkina Faso perdeu esta tarde um jogo de rapaz à lepra de duas cabras.

Um jogo perdeu esta tarde de duas cabras numa lepra do Burkina Faso de um rapaz.

Este rapaz é um que perdeu a lepra tarde nas duas cabras de um jogo.

A lepra das duas cabras, tarde perdeu um rapaz no jogo do Burkina Faso.

23.11.05

Agora sim...

Antes que venha a partida... la Mélissa du jour

Au revoir, Mélissa

Isto sim, é que é um estudo independente e imparcial sobre o real valor desta beluga! Lá isso é que é, ora bolas!

SiteScore for galarzas.blogspot.com

This is a stored report of http://galarzas.blogspot.com which was run on Wednesday 23rd of November at 2:01am:

Marketing - How well marketed, and popular the website is: 9.6
Design - How well designed and built the website is: 7.5
Accessibility - How accessible the website is, particularly to those with disabilities: 6.2
Experience - How satisfying the website is likely to be: 7.8
Overall Summary score for this website: 7.6/10

Visitor feedback - How visitors have rated the design of this website (from one vote): 8/10

Good / bad points:
- This website appears to be in violation of the British Disability Discrimination Act;
- A Google search for "The Galarzas" finds this website as #1;
- This website is extremely well linked to (6,300 websites link here);
- This website is very quick to respond;
- This website is exceptionally popular (approx #30 in the world);
- Design makes proper use of modern technology (no table-based layout).

SiteScore award!
This website qualifies to feature this SiteScore button:


Silktide SiteScore for this website

Há momentos... 2

...em que ficamos azuis...

22.11.05

Há momentos...

...em que apetece estar no lugar de outra pessoa...



Com ou sem sapatos.

Nós já fizémos o nosso aborto... Agora votamos no Vieira, senão o Zé Maria Martins ainda chega a Belém e nós não apreciamos esse candidato.

Vieira 2006

Dois discos que interessa trazer na bagagem:

Chelsea: Players Top 20 Gift Grub 6: The Special One

Começa daqui a pouco...

Atlantic Waves 2005

...e, a partir de amanhã, os The Galarzas vão lá ter um enviado especial. Para que possamos dizer: em breve, nesta beluga, tudo sobre a aventura da música portuguesa na capital britânica. É que fica bem, pronto.

O meu sonho .292

O meu sonho bem que podia ter aparecido.

Perdido e achado

Tinha perdido a música.
Não sabia para que lado ir, para a encontrar.
De repente, entre névoas e poeiras, surgem, qual D. Sebastião, as Crónicas da Terra Ardente.
Obrigado Fausto.

21.11.05

Porque é segunda-feira... la Mélissa du jour

Bonjour, Mélissa

Sem título

Há dias assim. Cinzentos. Desinteressantes. Vazios...

Ágaetis Byrjun

20.11.05

Sábados, domingos e dias santos



TRANSITO STOP BICHA DESCOMUNAL STOP CARRO LARGADO NA BAIXA STOP MULTIDAO SEM SENTIDO STOP FOGUETORIO STOP SUBIDA AO CAMOES E DESCIDA AO CARRO STOP MULTIDAO IDENTIFICADA COM ARVORE DE NATAL PIMBA STOP FIAT UNOS STOP TAXISTA SEM MARCHA ATRAS INAMOVIVEL STOP TERTULIA DADO AOS VENDILHOES PARECE ASSOCIACAO DE ESTUDANTES DA AMADORA STOP FUGA STOP ROMANCE STOP SONO STOP MANHA STOP TRONGA TENTA VIOLAR QUATRO FECHADURAS AINDA NAO BATERAM AS DEZ STOP PREDIO EM ALVOROCO STOP SAI UM GAJO DE ROBE VERMELHO A CORTAR LOGO O AMBIENTE POLICIAL E A TORNAR TUDO NUMA ESPECIE DE MAU FILME DO FELLINI STOP CHEGA A BOFIA E CATA O TRONGA STOP PAUSA PARA CAFE STOP UM HOMEM AO BALCAO DIZ AO EMPREGADO POR FAVOR CORTE-ME AO MEIO STOP HUMANISMO E MEDO IMPEDEM QUEIXA CRIME STOP O SENHORIO LIGA A DIZER QUE O CONTRATO ESTA PRONTO E A CASA HABITAVEL STOP EUFORIA STOP TRES DA TARDE CHOCOLATE CONTRADANCAS STOP CAMPAINHA INSISTENTE STOP O TRONGA ASSALTANTE ESTA DE VOLTA STOP MAIS UM 112 MAIS UM BINOMIO MAIS UMA CATADELA STOP ESQUADRA DO RATO STOP QUEIXA STOP TRES HORAS PARA PREENCHER MEIA FOLHA A4 STOP RESPIRAR STOP VOLTA A CASA STOP PUTOS DO RES-DO-CHAO COM CANO REBENTADO LIGARAM A LUZ STOP BURROS STOP PIQUETE DA EDP A CAMINHO STOP SOBRA UM BILHETE DE ROS MAS O CANSACO E O OLHAR DO TIPINHO COM METADE DOS GENES DO NARRADOR ANULAM SAIDA STOP PSP DO RATO TROCA PAPEIS E VA DE REGRESSAR A ESQUADRA STOP AMEACA DE TRIBUNAL AMANHA STOP NODDY CONTINUA VIVO STOP

O Teaser da Nação XV

The Galarzas: na dianteira do Nada!

Ainda existem cavaleiros assim


Dom Quixote, da Silva Vieira.

19.11.05

Tempo dos mais novos: uma histórinha ao deitar

Olá, meus amiguinhos! Vamos voltar àquela pequena histórinha que encontrámos um destes dias num sitezinho estrangeiro? Já sabem que é uma histórinha boa para três coisinhas: exercitar o vosso inglês, aquecer a vossa noite fria e ensinar-vos as coisas da vida. Estão prontinhos para recomeçar? Então vamos lá. Onde é que tínhamos ficado? Ah...

«...four, and had a hard, chiseled face. He appeared even more muscular then Billy.

"Vell, Vhat did you want to see me for?"

"Hans, this is Julie. She's a married little slut that wants to try two men at once and she likes big men."

Hans looked Julie over. His hard face never seemed to smile, but he nodded as if he approved of her looks. "Pretty. You aren't a gay are you Billy?"

"Hell no. This is all her idea. She likes cock so much she begged me to find another guy for her."

"This true Julie?" asked Hans.

"Yes, I love big cock, especially Billy's and now I want to love yours."

Hans still looked doubful so Billy said, "Julie, I think he still needs convincing. Show him what you got under that coat."

Julie smiled at Hans and let her coat fall to the floor. "Mien Gott!" exclaimed Hans. For the first time his face showed expression and it was one of amazement. "You are magnificent."

"Holy shit," said Billy. She was wearing the lingerie he had seen on the floor of her bedroom. Billy had never seen a woman with a body this good and he had fucked several dozen of the hottest girls in college and high school. "Well Hans, does she meet with your approval?"

"Ja, I fuck her," said Hans, his look of amazement turning to lust.

"Let's get started then," said Billy. He started unbuttoning his shirt and Hans followed suit. "Come..."
»

Gostaram? Que bom... Um dia destes, voltamos à histórinha, para saber como é que acaba esta grande aventura destes nossos amiguinhos. Mas agora, é hora de ir dormir. Adeus, meus queridinhos, até amanhã. Durmam bem.

Sábado



O cano acabou por ceder. Há meses que ameaçava fluir pelo prédio inteiro e foi hoje. Estou de pijama, assim mesmo, daqueles do Ferrador, quando me aparece uma loira que pinta as raizes de preto, ar muito assustado, a tocar à porta...

É tudo o que gente queria!

Anúncio encontrado na net*:

«Find a real sex partner in Famões now!»

[* e já com lugar cativo no balcão do costume...]

Diálogos com:

Ratomonte e Sete Solas

- Ouve lá!
- Que é que foi, pá?
- Tu sabes...
- Não.
- A sério...!
- O que é?
- Sabes...?
- Hã?
- Qual é a capital do Peru?
- São os bifinhos com natas e cogumelos.

O Noddy nunca aterrou na Portela coisa nenhuma!

Dia de Prozac

18.11.05

Missão: Impossível?

A Virgin Digital criou a mais espantosa campanha de publicidade do momento. Sob o mote «exercise your music muscle», a nova concorrente do iTunes surgiu com um pequeno filme e um anúncio de imprensa com inúmeras referências a bandas, artistas e canções. O resultado é um desafio delicioso: «do you see music?»

Your mission, should you accept it, is to find as many artists, bands and songs as you possibly can in these ads...

No poster escondem-se mais de 70 referências a artistas ou bandas:

Do you see music?

Já pelo filme, podem descobrir-se referências a pelo menos 50 canções:

Exercise your music muscle

Em cada um dos ads, o gozo está em identificar o maior número de músicos e músicas. Mas há por aí uma série de blogs onde a coisa tem dado muito que falar...

As always, should you be caught, we will disavow any knowledge of your actions. This post will destruct you in five seconds. Good luck, Jim.

Antes que seja tarde... la Mélissa du jour

Mélissa, Mélissa, Mélissa, Mélissa...

Vinha do Porto / do Fantasporto / bebi um porto (ficaste tonto?) / andei torto (até que ponto?) / quase morto... / Vinha do Porto / do Fantasporto...

É (já terá sido?) hoje apresentado o Vinho do Porto oficial do Fantasporto 2005!

Enfim, o que é importante é que haja copo cheio. Ou como já dizia o grande Paião:

«Há-de haver Porto
Para o desconforto
Para o que anda torto
Neste navegar
».

Ia votar Cavaco...

...mas percebi que não era este...

Afinal em que ficamos?

Portugal é uma República das Bananas ou uma República de Bananas?

Princípios de higiene

E se um desconhecido insistir em oferecer-lhe uma couve-flor... isso é um claro sinal que precisa de mudar de perfume. E talvez tomar um banho?

17.11.05

O meu Sonho .291f (variação em g)

O meu Sonho era ser dono de uma agência de responsabilidade limitada.

O meu Sonho .291f

O meu Sonho era ser dono de uma agência de irresponsabilidade.

O meu Sonho .291e

O meu Sonho era ser dono de uma agência de imoralidade.

O meu Sonho .291d

O meu Sonho era ser dono de uma agência de imortalidade.

O meu Sonho .291c

O meu Sonho era ser dono de uma agência de imparcialidade.

O meu Sonho .291b

O meu Sonho era ser dono de uma agência de infidelidade.

O meu Sonho .291

O meu Sonho era ser dono de uma agência de imobilidade.

Portugal Kitsch: que futuro?

Depois de Alexandrino Firme e Hirto eis...
Aníbal Hirto e Complexado!

Bricolage

Mariana queria o melhor de dois mundos.
Tornou-se bissexual.

Viv'ó Vídeo!

1. No início do mês, os Arcade Fire deram um concerto improvisado junto à estação de metro de Union Square, em Nova Iorque, onde tocaram versões dos New Order, The Cure e outros. Diz quem lá esteve (e gravou no telemóvel) que foi a surpresa do ano...

2. Que Ben Folds é um gajo divertido, já sabíamos. Que o rapaz conseguiu fazer com que William Shatner fizesse um bom disco, também já sabíamos. Mas agora, o homem decidiu fazer covers em concerto... E logo com uma versão de um velho tema de Dr. Dre - sim, o rapper; sim, o padrinho do Eminem...

3. Finalmente, de Nova Iorque chega Matisyahu: um rapper judeu ortodoxo que canta reggae... É ver para crer, senhores, ver para crer.

La Mélissa du jour

Mélissa, oh Mélissa...

16.11.05

O meu Sonho .290

O meu Sonho era ter uma mialgia em fibra de vidro.

Se o quando fôr

Mais vale o excesso de zelo que o imposto de sê-lo.

Eleanor Rigby: já te disse, filha, que these boots are made for walking, não são para tu andares a brincar com elas, ouvistes?

ELEANOR PUT YOUR BOOTS ON

Eleanor put those boots back on
Kick the heels into the Brooklyn dirt
I know it isn't dignified to run
But if you run
You can run to the Coney Island roller coaster
Ride to the highest point and leap across the filthy water
Leap until the Gulf Stream's brought you down

I could be there when you land

So Eleanor take a Green Point three point
Turn towards the hidden sun
You know you are so elegant when you run
If you run you can run
To that statue with the dictionary
Climb to her fingernail and leap
Take an atmospheric leap
Leap and let the jet stream set you down

Could be there when you land
I could be there when you land
Could be there when you land

So Eleanor put those boots back on,
put the boots back on and run
Come on over here...

You Could Have It So Much Better

Nota Interna 1.11.05*

Está consumado o nada.
Viva a repressão!

*Apesar de ter demitido a sua actualidade, esta Nota Interna volta à antena a pedido especial de várias famílias.

Passe tempo

Apreciamos gramáticas complicadas e deliciamo-nos particularmente com frases sem verbos.
I-leitores da casa Galarza enviem-nos as vossas frases sem verbos para postagem e degustação geral, pela caixa do correio habitual, aquela que tem a morada ali em cima à esquerda, ou á direita (não me lembro bem de que lado é: estou a escrever de costas para o teclado e de pernas para o ar.)

Olá, tu por aqui? Olá, então como vais? (variação sobre os propósitos da inserção ou adaptação de exemplar vivo no mail de Galarza)

«Boas tardes,

O Grémio Desportivo e Cultural da Mata-Videira (GDCM-V) começou a sua época desportiva 2005/2006 com a primeira vitória fora pela margem máxima. O jogo foi em Guidães, no Pavilhão Poli-Desportivo da E.S. Viriato Macedo num espectáculo pobre. Apesar de alguma inconsistência nos vários aspectos do jogo por parte do Mata-Videira, normal para uma equipa que mudou de campo, sede, dono, presidente, direcção e treinador, que estreou nesse joge dois terços do seu plantel e que está ainda em fase de entrusamento, a supremacia foi clara.

Gostaria de destacar as entradas e estreias absolutas nesta equipa e no desporto federado de alguns jogadores, jovens promessas que vieram reforçar o plantel deste ano: o Chico André, o Zé Ribas, o Nelito Pontes, o Johnny Tonto, o Tadeu Herdenschtruck e o Otávio, oriundos do desporto prisional, além do mais experiente Jonas Livelo. O seu empenho faz-nos acreditar numa época de sucesso.

O GDCM-V é o único clube sénior da região altaneira. Esta é a sua quadragésima-segunda época. Os jogadores querem reforçar a boa imagem que a equipa granjeou na década de setenta, que quase lhe valeu a subida de divisão. O nosso apelo para os apreciantes desta modalidade é que apareçam para ver os nossos jogos. O nosso pavilhão quando jogamos em casa é o da Escola C+S do Ramalhoso - Dr. Álvaro "Pifas" Milhazes. E o próximo jogo promete ser um belo espectáculo!

Cumprimentos desportivos de um jogador.»

Et maintenant, voyons le temps pour le demain, en France

Et pour demain...

Cada país tem as mamas que merece

«The Sun's Page 3 has been going 35 years».

Bem, então será caso para lhe dar um bom par de parabéns, não?

Cada país tem a inteligência que merece

«Pedófilo está mais inteligente» - diz o Correio da Manhã.

Bem, ele nunca foi parvo... Já desde os tempos em que a televisão ainda era a preto e branco que ele dava mostras de ter cabecinha. Mas também, com o tempo livre que tem, com os livros que tem lido e com as coisas que tem aprendido na prisão, não é de surpreender que esteja mais inteligente, ora bolas!

Cada país tem o tablóide que merece

Manchete do 24Horas de hoje:

«O 24Horas mostra as certidões de nascimento com as verdadeiras idades dos artistas
Apanhadas a mentir na idade


Ruth Marlene não quer ser trintona
Ana esconde os seus 55 anos
Arlinda diz que é 7 anos mais nova


A irmã de Ruth diz que a idade não interessa nada. Para Nucha, amiga de Ana, a cantora não tem idade. E para o marido de Arlinda a fotógrafa tem duas idades diferentes. A confusão é total mas o 24Horas descobriu a verdade»

Ainda bem que temos o 24Horas para descobrir a verdade sobre estes e outros problemas nacionais...

Alto e pára o baile! Pára tudo! Pára, pára que vem aí estupenda revelação de última hora!

Na verdade vos digo, meus irmãos, que as alimárias de Santa Eulália são comestíveis à lua cheia. Palavra do senhor Antunes.

Um Plot para Dan Brown



O Priorado de Sião descobre que Manuel Alegre é o verdadeiro descendente de Jesus Cristo. A CIA e a Maçonaria, entretanto, tentam desactivar Cavaco Silva. A CIA, porque está convencida que Cavaco é um míssil soviético que foi vendido em saldos a Portugal. A Maçonaria porque acha que a cabeça de Cavaco pode esconder a pedra impura e imperfeita.
Entretanto os Templários conseguem o franchising do Burguer King da Segunda Circular. E é neste restaurante que o Priorado de Sião tenta raptar Alegre, mas uma bomba faz explodir o restaurante. Chamado ao local, o Inspector Caroço e o detective Claxon descobrem que um quadro do Bordalo, afinal, é um código de barras, que guarda um segredo sobre a pedra de Roseta. E só Alegre sabia...

15.11.05

A passagem de nível já tem guarda e por isso deixou de ser tragicomédia, passou a ser uma revista (muito popular)

Agora já sabemos que o amigo da Carochinha abriu um restaurante de grelhados onde era a papelaria em frente à Zarolha.

A Carochinha manda dizer que não se afoita e vai dar uma curva, mas que vai sozinha, leva a bicicleta pedaleira, e que não quer ouvir falar mais em historinhas de beijinhos e meninas adormecidas. Mais vale o almoço do que levá-lo na lancheira ao pai.

Quem és tu

Os nomes são uma coisa muito boa - podemos dizê-los todos e repetir todos os dias que não faz diferença nenhuma.

É com prazer, honra e orgulho que os The Galarzas apresentam, finalmente, o blog que fazia falta para alimentar a malta:

Online bananas guide

As únicas passagens de nível boas não têm guarda

Porque é que a carochinha atravessou a estrada?

Nem ela mesma chegou ainda a saber. Um dia estava do seu lado da estrada, segurinha, como se estivesse no melhor de todos os lados da estrada, onde não havia nada que lhe causasse estremecimento, onde era sempre tudo calmo, tudo repetido, os dias iguais uns aos outros sem corropios, e pôs-se a olhar para o outro lado.
- Que coisas é que haveriam além, no lado estranho da estrada?
De um repente, a carochinha atravessou a estrada e foi ver. E até agora ainda não sabemos porquê, nem se valeu a pena, ou se por causa disto sofreu alguma pena, ou se finalmente acenderam o lume debaixo do caldeirão onde o amigo dela costumava seviciar-se por masoquismo.

Música para Casamentos e Funerais

Tim Burton's Corpse Bride Original Motion Picture Soundtrack - Score and Songs by Danny Elfman
[in, via]

14.11.05

La Mélissa du jour

Mélissa Theuriau, esta manhã

Isto sim, é que é esbanjar o dinheiro dos contribuintes com estilo

O meu Sonho .289

O meu Sonho era ser mais bonito que a Nossa Senhora de Fátima.

Ui, c'a bom: The Galarzas citados em importante órgão de comunicação suíço:

«Via The Galarzas, a blog from Portugal, a country not indexed. Don’t they have any whores there?»

13.11.05

Failure: um desafio para começar a semana a rir

Para começar a semana da melhor maneira, o Serviço Público The Galarzas propõe uma pequena diversão. E olhe que esta vale a pena. Ora vamos lá: ide ao Google, escrevei failure no espacinho e clicai, não no botãozinho da "Pesquisa", mas ao lado, onde diz "Sinto-me com sorte". Clicai sem medos e vêde o resultado. Vêde e ride, ride-vos alarvemente... Agora sim, boa semana!

If you're going to San Francisco be sure to wear some bouncy balls in your hair

Há algumas semanas, julgávamos ter descoberto o anúncio do ano. Mas afinal estávamos enganados. Agora sim, encontrámos o anúncio do ano. É este (demora um bocado a carregar, mas vale a pena):

Sony Bravia's 'Bouncy Balls' Ad
Ah, as bolas não são efeito especial, são mesmo reais: num belo dia de sol, 250 mil bolas de borracha saltitaram livremente pelas ruas de um bairro de São Francisco. Um dia de sonho para qualquer criança... Vale a pena perder algum tempo por aqui.