5.12.05

A grande migração das baratas

Chega Novembro ou Natal e as baratas iniciam prazenteiras a grande migração anual para as latitudes cálidas do Sul. Para os entomólogos mais requintados, é um prazer supremo desempoeirar os binóculos nesta época e observar o seu voo gracioso e sereno, em formações disciplinadas e, no entanto, sempre diferentes, como um bailado rigorosamente coreografado mas permeável à criatividade dos intérpretes. Deixam saudades e uma lágrima ao canto do olho, mas a certeza de que voltarão dentro de poucos meses torna a dor da partida mais suportável.